Atividades

Seleção e recolha da biomassa

Caracterização da biomassa procedente de restos da poda, de arbustos, do kiwi e da vinha.

Análise dos principais produtores de biomassa e avaliação do potencial. Serão identificados os principais produtores de biomassa segundo o setor e localização geográfica. A avaliação do potencial será realizada a partir de informações com base cartográfica de inventários, modelos de crescimento, utilização do solo…

Estudo do estado da arte e análise comparativa de tecnologias de recolha, no qual serão identificadas tecnologias utilizadas noutras regiões que possam ser utilizadas para este tipo de biomassa e serão selecionados equipamentos para a realização de testes de recolha, comparando-os com os sistemas atuais.

Novos biocombustíveis

Conceção, preparação e otimização de novos biocombustíveis sólidos: serão realizados estudos e testes para a obtenção de novos biocombustíveis sólidos que possuam um bom comportamento na combustão e com pouca emissão de partículas.

Aproveitamento energético

Desenvolvimento de tecnologias de aproveitamento energético da biomassa: serão desenvolvidas e otimizadas diferentes tecnologias de aproveitamento energético a pequena escala, como sistemas de combustão, de micro-cogeração e de gaseificação, que possam ser alimentadas com os novos biocombustíveis desenvolvidos.

Impacto e transferência

Elaboração de estudos de viabilidade técnico-económica, de impacto no meio rural e de análise de subsídios, que terão em consideração a viabilidade e o potencial de implementação das novas tecnologias e biomassas em prédios pequenos e instalações da administração pública e prédios de habitação social, bem como o seu impacto a nível técnico e económico e os seus benefícios na economia e no emprego.

Desenvolvimento de uma Rede Transfronteiriça de stakeholders, que permitirá conectar especialistas e agentes interessados na produção e utilização de biomassa, criar sinergias entre eles para a geração de novas ideias e projetos e facultar-lhes informações úteis.

Formação de agentes públicos e privados, através da realização de ações de formação on-line e presencial, com conteúdos de carácter económico, técnico e meio-ambiental, que facilitarão e promoverão a implementação e a utilização dos novos biocombustíveis e das tecnologias desenvolvidas e/ou otimizadas no projeto.

Este sitio web utiliza cookies para que usted tenga la mejor experiencia de usuario. Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de las mencionadas cookies y la aceptación de nuestra política de cookies

ACEPTAR
Aviso de cookies